25 de jun de 2009

Realidade



Sinto-me parte de ti e do teu mundo.
E confusa tento distinguir uma realidade,
que parece não existir...

Parte do que somos se destroi
Muito do que és, fica
fazendo surgir um momento de vida.
Tentamos descobrir mundos que se chocam...
Há confusão nas mentes
Tudo parece ilusão,
um sonho...
Custo acreditar nesta realidade que
repentinamente surge.
Que no silencio nos faz ouvir
o barulho do sol ao nascer.
Realidade...
(Fatima - 1978)

Nenhum comentário:

Postar um comentário