14 de jul de 2013

Indiferença



Nem percebi a luz do ultimo raio do luar.
Não me dei conta que até as sombras dos nossos corpos deixaram de formar silhuetas na areia molhada.
Perdi o ultimo vento que espalhou as folhas no meu caminho...
(Fatima - 14.07.2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário