16 de nov de 2015

Maria Louca

Maria que fala,
Maria que cala,
Maria da vala,
Maria da faca...
Louca... muito louca,
que grita,
que chora e sabe o que não sei...
Amou
Ama...
Agora chora,
E grita.
Grita por mim, por outros
loucos que não se aceitam.
Só para ser louca...
Maria só...
Maria que é Maria.
(Fátima, 06/11/2015)


Nenhum comentário:

Postar um comentário